sexta-feira, 28 de julho de 2006

O mago que trocou o Galego-Português polo Castelhano

Veja actualizaçom de novembro de 2006

A TVG tem umha importante e contínua presença no blogomilho, provavelmente devido à expectativa que ainda existe de que a mudança política galega se traduza nesse meio num aumento da qualidade e um maior respeito polo pluralismo, e polo próprio espectador. Aqui mesmo já falei várias vezes do que tenho por um dos programas mais representativos dessa mudança: "Hai Debate".

Um dos programas cuja desapariçom mais demandava parte do público que apoiou a mudança política, "Luar", considerado símbolo do fraguismo televisivo polo seu folclorismo ranço e a participaçom dos mais ressessos cantantes e grupos espanhóis, permanece porém no ar, bem que com algumhas modificações.

Neste programa está a participar com algumha freqüência o mágico português Luís de Matos, mui famoso em Portugal, utilizando reiterada e exclusivamente o castelhano.

Isto já foi referido no blogue Coisas do Gomes o passado mês de Janeiro, e posteriormente reiterado num comentário ao artigo "O que ganhamos com o galego" publicado no Renas e Veados em Abril.

Pois bem, no Luar emitido na semana passada o mágico lusófono voltou a assombrar-nos coa desapariçom dos seus lábios da língua galego-portuguesa, substituída pola espanhola, mesmo quando interpelado exclusivamente na língua comum polos condutores do programa. Umha atitude de puro desprezo à língua galego-portuguesa, e à audiência do programa, tanto galega como portuguesa, pois os próprios apresentadores comentárom, justo depois de Matos terminar o seu número, que o Luar é mui visto no Além-Minho.



Luis de Matos em Luar (TVG 21.07.06)


A TVG poderia fazer mais para realmente contribuir à normalizaçom da língua, que é um dos fins para o que foi criada em 1984. Seria interessante ver o comportamento de Luís de Matos nom só falando com Gayoso, ou com este e um/ha artista hispanófono (como já aconteceu, reforçando o seu uso do espanhol), mas um/ha lusófono/a que só empreguasse a língua comum (como Filipa Pais ou João Afonso, p.ex.).

Mas enquanto algo assi nom aconteça, o comportamento de Luís de Matos bem merece umha mensagenzinha de protesto, e para animar a enviá-la, deixo um formulário com um breve texto, que pode ainda ser modificado e enviado ao endereço da empresa Luís de Matos Produções Lda. (lmp@luisdematos.pt).


Nome:






P.S. de 31 de julho: Mudei o endereço de destino, umha vez que o anterior (lm@luisdematos.pt) começou a devolver mensagens.


Sem comentários: